segunda-feira, 23 de março de 2009

IE 8 fica à frente de Chrome e Firefox em teste de velocidade da Unesp

IE 8 fica à frente de Chrome e Firefox em teste de velocidade da Unesp

Por Redação do IDG Now!
Publicada em 23 de março de 2009 às 10h56
Atualizada em 23 de março de 2009 às 12h24

São Paulo - Teste encomendado pela Microsoft levou em conta a velocidade de abertura de 25 sites. IE 8 venceu em 10 ocasiões, diz empresa.

O Internet Explorer 8, navegador lançado na semana passada pela Microsoft, foi o que registrou melhor desempenho em um teste feito pelo Laboratório de Tecnologia Aplicada (LTiA) da Universidade Estadual de São Paulo (Unesp).
O teste foi encomendado pela própria Microsoft e avaliou a velocidade com que os browsers IE 8, Chrome e Firefox abrem 25 sites diferentes. O IE 8 foi o que mais rápido abriu 10 sites, enquanto o Chrome 1.0 foi o mais veloz em 8 ocasiões. O Firefox 3.07 foi o último colocado, abrindo 7 sites mais rapidamente que a concorrência.
De acordo com o LTiA, a metodologia da pesquisa procurou isolar diferentes fatores, como o impacto do hardware na velocidade dos navegadores, as páginas armazenadas no cache e o uso de outros programas simultaneamente ao uso do browser. O objetivo era avaliar mais que a velocidade com que o navegador processa o código Java Script, que segundo o laboratório “pode se tornar um falso indicador de desempenho”.
“A velocidade com que um determinado navegador executa comandos JavaScript não caracteriza diretamente a experiência do usuário ao utilizá-lo e pode se tornar um falso indicador de desempenho”, afirmou o LTiA em seu estudo. “Portanto, o teste mais próximo da experiência final do usuário com determinado navegador só pode ser simulada levando em consideração o tempo total de carregamento das páginas, o que representa o fim de todas as tarefas e não apenas de algumas operações isoladas.”
Para avaliar a velocidade, os pesquisadores filmaram o carregamento das páginas em um vídeo NTSC com 30 quadros por segundo. “A análise quadro a quadro resulta em uma precisão aproximada de 0,033 segundos”, alegou o LTiA. A gravação também foi feita por meio de uma câmera independente da máquina e a utilização de softwares de captura de vídeo foi descartada para evitar concorrência de recursos com o browser.
Clique na imagem para ver o resultado do teste:

TABELAGDE-preview.gif

Nenhum comentário: